Aller au contenu Aller au menu principal Aller à la recherche

Gerir e recuperar os resíduos

Os Laboratórios Arkopharma implementaram, há muitos anos, uma política de gestão de resíduos

Os laboratórios Arkopharma implementaram, há muitos anos, uma política de gestão de resíduos ambiciosa, que vai para além da conformidade com as normas e a prevenção de riscos humanos sobre o meio ambiente. Abrange a prevenção, a reciclagem e a reutilização de resíduos.

Os resíduos, um recurso valioso

De acordo com as disposições da lei  Grenelle do meio ambiente, e com o princípio de hierarquização do tratamento de resíduos deverá ser feita a reciclagem, recuperação de materiais e recuperação de energia dos resíduos antes da sua eliminação. Recuperar os resíduos para obter novos recursos é um dos pontos estratégicos dos laboratórios Arkopharma.

A recuperação dos resíduos designa-se também por reciclagem (recycling em inglês). Esta diz respeito ao conjunto de operações realizadas sobre um objeto considerado inútil para que volte a ter utilidade. A recuperação permite obter :

  • um novo material
  • um novo produto de qualidade igual ou superior

Num contexto de tensão em relação ao abastecimento de matérias-primas, gera-se o desafio crítico ambiental, social e também económico de consumir a menor quantidade possível de recursos. Trata-se de reduzir o uso de recursos para uma mesma produção, de produzir bens que durem o maior tempo possível e que, no final do seu ciclo de vida, sejam recicláveis em ciclos posteriores.

Arkopharma, uma gestão eficaz dos resíduos

Devido à pluridisciplinaridade do Grupo, os resíduos derivados das suas atividades são muito diversos. Portanto, o Serviço de Segurança e Meio Ambiente realiza um trabalho permanente de identificação e classificação desses resíduos, para encontrar as estações de tratamento adequadas e otimizar os custos relacionados com a sua gestão.

A implementação de uma melhor gestão é também um ponto-chave que permite combinar o desenvolvimento económico e as preocupações ambientais.

Nos últimos anos, a Arkopharma priorizou a modernização da gestão dos seus resíduos, prevendo o aumento da sua recuperação. Dependendo da sua natureza físico-química, estes resíduos são transferidos para as instalações de recuperação1, de reciclagem ou de eliminação nos centros de tratamento previstos.

Graças a estas iniciativas, a Arkopharma é atualmente capaz de tratar e redirecionar quase todos os seus resíduos para instalações de reciclagem ou de recuperação. Desde 2013, o volume de resíduos dos Laboratórios Arkopharma foi reduzido, em média, cerca de 14% ao ano. Além disso, mais de 50% dos resíduos são reciclados.

 

1 O procedimento de recuperação permite a transformação de um resíduo para usos como a reciclagem, a compostagem ou a transformação em energia.